terça-feira, 19 de janeiro de 2016

A MUDANÇA AQUARIANA E A RADIAÇÃO ANTROPOCÊNICA - 1 e 2

Saudações, Mestres!
Eu Sou Metatron, Senhor da Luz, e os saúdo num vetor de Amor Incondicional!
É 2016, e lhes asseguramos que há um novo sol despontando e, certamente, é o sol da mudança. Ele traz a luz cristalina coerente da magnífica Nova Terra. E queremos realmente dizer “magnífica”!
Queridos, lhes dizemos novamente que a Ascensão do Planeta de fato ocorreu e foi a humanidade que fez com que isso acontecesse.
Mesmo que uma grande parte da humanidade não o reconheça na consciência da terceira dimensão, a Terra realmente mudou, graduando-se para um novo paradigma. Os sábios entre vocês compreendem isto.
Então, falemos da Mudança Aquariana…


A MUDANÇA AQUARIANA / A RADIAÇÃO ANTROPOCÊNICA (1)


(1) NT:- “Antropocênico” refere-se ao período Antropoceno. O termo Antropoceno é usado por alguns cientistas para descrever o período mais recente na história do Planeta Terra (…) O termo foi criado pelo vencedor do Prémio Nobel da Química Paul Crutzen, que considera a influência humana no funcionamento do planeta tão significativa que justifica a entrada do mesmo numa nova era geológica na Escala de tempo geológico. (ver mais em http://pt.wikipedia.org/wiki/Antropoceno )


Seus cientistas estão conscientes de uma única fase da Terra na qual a maioria da sua vida biológica atual emergiu. Ela é chamada de Radiação Cambriana (2). A fase Cambriana foi de grande influxo plasmático na sua Terra, e trouxe novas formas de vida para o seu planeta. Darwin, o renomado evolucionista, admitiu que a Radiação Cambriana foi o argumento mais válido contra a sua Teoria da Evolução


(2) NT:- Na escala de tempo geológico, o Cambriano ou Câmbrico é o período da era Paleozoica do éon Fanerozoico que está compreendido entre 542 milhões e 488 milhões de anos atrás, aproximadamente. (ver mais em http://pt.wikipedia.org/wiki/Cambriano )

Isto também está acontecendo agora. A atual radiação solar tornou-se mais potente em 1989 e assim continuará. Números incríveis de ejeções de massa coronal bombardearam a Terra com inimaginável radiação de íons e elétrons. A radiação iônica vai aperfeiçoar definitivamente sua biologia, mudar seu DNA. Vocês se tornarão menos densos.

A fonte principal de energia na Terra é a injeção maciça de radiação cósmica no planeta através dosventos solares. Chamaremos isto de Mudança Aquariana, embora o canal prefira usar a linguagem geológica, referindo-se a ela como “Radiação Antropocênica”.


O CATALISADOR FUNDAMENTAL

A ionização Cósmica da “Radiação Aquariana”, embora desconcertante para vocês, é o motor da mudança, e desempenha um papel necessário e benévolo na transição da Ascensão. Não é para ser temida.
A radiação tem feito muito mais do que sacudir sua magnetosfera e influenciar as placas tectônicas e o clima da Terra. Mas acrescentaremos que essa penetração iônica é o catalisador essencial absoluto da mudança climática, das tormentas e terremotos e a causa fundamental do aquecimento global.

Muitos dos seus teóricos podem querer colocar a causa da mudança climática na humanidade.
Nós lhes dizemos que este simplesmente não é o caso.

Bilhões de toneladas de plasma vêm bombardeando a Terra nas duas últimas décadas, muito mais do que em qualquer época registrada na sua história. Pensar que as mudanças no planeta são causadas pelo relativamente pequeno aquecedor atmosférico chamado HAARP, é ilógico. A tecnologia para se fazer isso simplesmente não está lá. É o Plasma Solar! Ele já mudou sua Terra e sua biologia antes, no que foi chamado de Radiação Cambriana.

Nós lhes dizemos que a irrupção iônica também vai afetar a sua biologia.
Ela é o catalisador da mudança do seu corpo da base de carbono para a base de silício.
Postar um comentário