quarta-feira, 27 de julho de 2011

Quero Saber


Quero Saber

Candido

Quero ir às densas florestas tropicais
Onde ainda há feitiços e há medos,
E às profundas fossas abissais
Onde se escondem mistérios e segredos,

...
Quero ir ao incógnito sítio donde venho
E ao lugar desconhecido pra onde vou,
Remando o pequeno barco que ainda tenho
Empurrando o frágil ser que ainda sou,

...
Quero a memória rebuscada
E a existência toda explorada,
Para saber o que faço aqui
E porque continuo a gostar tanto de ti.

Postar um comentário